Grêmio fica no empate com o Palmeiras pelo Brasileirão

Tricolor abriu vantagem, mas cedeu o empate aos paulistas em Caxias do Sul

O Grêmio ficou no empate com o Palmeiras na noite desta quinta-feira, em jogo válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Estádio Centenário, em Caxias do Sul. Após boa atuação durante a maior parte da partida, o Tricolor abriu a vantagem de 2 a 0, com gols de Pavon e Cristaldo, mas acabou sofrendo o empate na etapa final do confronto. O ponto somado mantém a equipe no Z-4 do Brasileirão.

Logo no primeiro ataque da partida, aos dois minutos, o Grêmio foi efetivo. Após lançamento no meio de campo, Franco Cristaldo ficou com a segunda bola e rapidamente deu o passe abrindo para lado esquerdo em velocidade para Gustavo Nunes. Ele tomou a frente da jogada, invadiu a área e centrou a bola. Em velocidade, Pavon rasgou entre os zagueiros para concluir ao gol aberto. 1 a 0!

Cinco minutos depois, Felipe Carballo puxou a jogada pela parte central da intermediária ofensiva, abrindo para o lado direito. João Pedro carregou até o bico da grande área, trouxe para o meio a arriscou o chute. A bola selou o marcador e sobrou na meia lua da grande área. Gustavo Nunes de primeira arriscou o chute colocado, em curva, e a bola passou perto do ângulo esquerdo de Weverton. Após uma sequência de pressão do ataque gremista, aos nove minutos, Rodrigo Ely desviou de cabeça a batida do escanteio por sobre a meta palmeirense.

A primeira chegada dos adversários foi em batida de lateral de Marcos Rocha na área, aos 12 minutos. A bola passou na primeira trave e Rony veio na corrida para testar à queima roupa, obrigando Machesín a praticar grande defesa. Quatro minutos depois, Estevão arriscou o chute de fora da área. A bola desviou na marcação de Reinaldo, encobrindo o gol gremista.

Aos 20 minutos, Piquerez arriscou o chute da entrada da área e Marchesín deu o rebote para frente. López concluiu de dentro da área e a bola foi na cabeça do companheiro, tirando a direção do gol gremista. No minuto seguinte, Gustavo Nunes recebeu pelo lado esquerdo de ataque e serviu na linha da defesa para Edenilson. Em velocidade ele alcançou a bola na área, mas o goleiro Weverton abandonou a meta para ganhar a dividida.

Depois de uma primeira metade em alta rotação, os dois times passaram a alternar a posse de bola e o volume de jogo, porém sem conseguir criar lances de conclusão ao gol adversário. Na última investida já nos acréscimos, aos 48 minutos, Rony recebeu na área, girou o corpo e bateu cruzado, mandando à esquerda da meta gremista.

O segundo tempo começou novamente acelerado. Com menos de um minuto, Estevão recebeu pela direita e fez o cruzamento. Jhon Jhon apareceu livre para bater de primeira e a bola tirou tinta da trave. A resposta veio em belo lançamento em diagonal de Gustavo Nunes para Pavon. Ele dominou em progressão pelo lado direito da área e centrou por baixo. Cristaldo fechou na primeira trave para concluir de primeira, mas o chute foi travado no carrinho do zagueiro.

A primeira troca no Grêmio foi promovida aos 14 minutos, com a entrada de Galdino para a saída de Edenilson. Aos 22 minutos, o Grêmio fez a cobrança curta do escanteio pelo lado esquerdo. Cristaldo invadiu a área e cortou o marcador que chegou atrasado na dividida, cometendo a penalidade máxima. Franco Cristaldo foi para a cobrança e, aos 24 minutos, mandou no canto esquerdo com categoria, tirando o goleiro Weverton da foto. 2 a 0!

Na sequência, o Tricolor fez três trocas. JP Galvão, Natã e Rodrigo Caio entraram na partida, para as saídas de Pavon, Rodrigo Ely e Cristaldo, respectivamente. No primeiro ataque do Palmeiras após as substituições promovidas, os paulistas conseguiram descontar o marcador aos 29 minutos, com gol de López.

Aos 32 minutos, Estevão saiu da lateral direita para levar a bola para o meio, cortar a marcação e soltar a bomba de fora da área. Em um chute de rara felicidade, a bola foi no ângulo direito de Marchesín que ainda saltou, mas sem possibilidade de defesa. Tudo igual no marcador na reta final da partida.

Em cobrança de escanteio de Galdino aos 39 minutos, três jogadores fecharam na risca da pequena área para o desvio, mas Mayke salvou em cima da linha. Já nos acréscimos, aos 48 minutos, Piquerez tentou surpreender em batida fechada de escanteio, mas Marchesín tirou com a ponta dos dedos para evitar o gol da virada.

Com este resultado, o Grêmio subiu uma posição e foi para a 18ª colocação da tabela de classificação com 11 pontos em 12 partidas, tendo dois jogos a menos em relação aos adversários. Volta a atuar no domingo, novamente em Caxias do Sul. Desta vez como visitante no Estádio Alfredo Jaconi, às 16h, contra o Juventude.

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA.

Fonte: Portal Gazeta

Comentários